Mais Saúde Dicas: mitos e verdades sobre a alergia

O professor Luzimar esclarece, de forma clara, sucinta e didaticamente organizada, o que é verdadeiro e o que é fantasia ou crendices sobre esse importante tema.

Mito: Todas as doenças alérgicas não têm cura.
Verdade: Embora a alergia seja uma condição herdada geneticamente e, na maioria das vezes definitivamente, existem doenças alérgicas em que pode ocorrer a resolução completa do quadro, como acontece com a alergia ao leite de vaca que se inicia na lactância (bebê) e tende a desaparecer por volta dos 2 a 4 anos de idade.  

Imagem: Freepik – pch.vector

Mito: Não adianta tratar alergia, afinal ela não tem cura.
Verdade: Embora não se possa alterar a herança genética, que os alérgicos apresentam, os tratamentos disponíveis atualmente englobam medicamentos bastante específicos, com efeitos colaterais mínimos e que melhoram muito a qualidade de vida.

Mito: Alergia é doença de rico.
Verdade: As doenças alérgicas são condições herdadas geneticamente podendo, portanto, ocorrer em indivíduos de todos os níveis socioeconômicos. 

Mito: Ar condicionado faz mal para os alérgicos.
Verdade: Os alérgicos podem permanecer em ambientes com ar condicionado. O importante é que a alergia esteja bem controlada e que os aparelhos tenham boa manutenção e limpeza.

Imagem: freepik – rawpixel

Mito: Praia é prejudicial à criança alérgica.
Verdade: Ir à praia é uma atividade ao ar livre das mais saudáveis e deve ser estimulada no paciente alérgico.

Mito: Eu tenho alergia a anti-inflamatório, mas não faz mal. Eu posso tomá-lo e em seguida tomo um antialérgico para cortar o efeito.
Verdade: As alergias a medicamentos podem ocasionar reações graves. A pessoa que, numa primeira exposição a determinado medicamento, apresentou uma reação leve poderá, em exposições subsequentes, desenvolver quadros bem mais graves (inclusive choque anafilático).

Mito: Todos os quadros de urticária são devidos aos alimentos (principalmente ao chocolate e aos frutos do mar).
Verdade: Ao contrário da crença popular de que a urticária é sempre provocada por alimentos, na verdade as causas mais comuns são medicamentos, largamente utilizados sem prescrição médica.

Mito: As vacinas para a alergia engordam.
Verdade: As vacinas para tratamento de alergia respiratória não contêm nenhum elemento que cause ganho de peso.

Mito: Sorvetes desencadeiam crises de alergia respiratória.
Verdade: O que desencadeia alergia respiratória são, principalmente, as substâncias inaláveis, tais como os ácaros da poeira, os pelos de animais, etc.

Imagem: Pixabay

Mito: As drogas nasais descongestionantes são excelentes para desentupir as narinas.
Verdade: Os descongestionantes nasais só devem ser usados por curto período, pois provocam inúmeros efeitos colaterais e dependência física, além de alterar a mucosa nasal.

Mito: Não se deve usar remédios no nariz.
Verdade: Os medicamentos que não devem ser usados no nariz, por tempo prolongado (superior a 5 dias) são os que contêm vasoconstrictores, devido aos efeitos colaterais que podem ocasionar, inclusive com piora da obstrução nasal. Porém os anti-histamínicos e os corticoides, para uso tópico nasal, fazem parte do tratamento da rinite alérgica.

Fonte: Associação Brasileira de Alergia e Imunologia- ASBAI

Luzimar Teixeira

Acesse o Sistema CEPEUSP
CEPEUSP - 50 anos